Informações de cobrança, de faturamento, de dados sensíveis de clientes sequestrados? Veja como resolver

O pior aconteceu, você foi vítima de um ataque de ransomware. Agora, os cibercriminosos informam que tem acesso a dados sensíveis de clientes sequestrados, o que você faz? Calma, não entre em pânico! Saiba agora como resolver.

Depois de receber a mensagem de cobrança, desligue o computador imediatamente. O segundo passo é entrar em contato com uma equipe especializada em cibersegurança. O seu computador deve entrar em quarentena para não transmitir o vírus para outras máquinas ligadas à rede corporativa.

Você tem a opção de pagar o resgate, mas isso não é aconselhável, já que os criminosos podem não devolver o acesso aos dados, mesmo recebendo o dinheiro. Pagar o resgate incentiva mais ataques de hackers e, em muitos casos, o desbloqueio dos arquivos criptografados não é bem-sucedido.

Portanto, o melhor a fazer é registrar uma ocorrência numa delegacia de polícia e buscar ajuda de profissionais de TI. Saiba que depois de uma revisão minuciosa no sistema é possível eliminar o ransomware e restaurar os dados perdidos através de um backup no computador.

Como o ransomware funciona?

O ransomware continua sendo uma grande ameaça para as empresas em todos os setores, sendo que dados sensíveis de clientes sequestrados é muito comum. Esse vírus geralmente se espalha por e-mail de spam ou phishing. 

Também pode infectar o computador através de sites acessados e downloads indevidamente realizados. Uma vez instalado, o ransomware bloqueia todos os arquivos usando uma criptografia forte.

Como resolver?

Detectar rapidamente o tipo de vírus que infectou a rede da empresa é fundamental. Dessa forma é possível evitar que os hackers consigam tomar conta do sistema e criptografar dados dos clientes.

A primeira coisa a fazer quando um computador está com suspeita de infecção é isolá-lo de outros computadores e dispositivos de armazenamento. Desconecte-o da rede (com fio e Wi-Fi) e de qualquer dispositivo de armazenamento externo. 

Cryptoworms ativamente procuram conexões e outros computadores, então você deve impedir que isso aconteça. Você também não deseja que o ransomware se comunique através da rede com seu centro de comando e controle, certo?

Esteja ciente de que o ransomware pode ter entrado na sua empresa por vários computadores ou pode estar oculto e ainda não ter aparecido em alguns sistemas. Trate como suspeitos todos os computadores conectados a rede.

Identifique a infecção

Na maioria das vezes, o ransomware é identificado apenas quando os hackers pedem resgate. Saiba que existem alguns programas que podem detectá-lo. A identificação ajudará você a entender que tipo de ransomware você possui, como se propaga, quais tipos de arquivos são criptografados e talvez quais são suas opções para remoção e desinfecção. 

Relatório às autoridades

Você estará fazendo um favor a outras empresas relatando o ataque às autoridades, independentemente do resultado. Os relatos das vítimas fornecem às autoridades policiais um entendimento maior da ameaça. 

Saber mais sobre outros casos de dados sensíveis de clientes sequestrados também ajudará você a encontrar o caminho certo para a solução do problema.

É melhor limpar todos os sistemas completamente

Por fim, a melhor maneira de garantir que o malware ou ransomware seja removido de um sistema é limpar completamente todos os dispositivos de armazenamento e reinstalar tudo do zero. A formatação dos discos rígidos garantirá que não restem vestígios do malware.

Se você está seguindo uma boa estratégia de backup, deve ter cópias de todos os seus documentos, mídias e arquivos importantes até o momento da infecção.

Considere que uma infecção pode estar inativa no seu sistema por um tempo antes de ser ativada e fazer alterações significativas. Identificar e aprender sobre o malware específico que atacou seus sistemas permitirá que você entenda como ele funciona e qual deve ser a melhor estratégia para restaurar todos os dados.

Se você realizou backups locais e externos, poderá usar cópias que, com certeza, não estavam conectadas à sua rede após o horário do ataque e, portanto, protegidas contra infecções. 

Talvez você se interesse por:

Conclusão

Atualmente, o ransomware é uma das maiores ameaças para pequenas empresas. Por isso é essencial proteger sua empresa contra todo tipo de vírus. As ferramentas antivírus existentes não são muito eficazes contra o ransomware, que pode funcionar silenciosamente em segundo plano.

Assim, quando detectado por um programa antivírus, pode ser tarde demais para salvar seus arquivos. Portanto, é importante investir em software projetados especificamente para lidar com essa ameaça. Embora ferramentas anti-malware eficazes capturem e isolem vírus de software quando atacam, é imprescindível impedir que esses vírus entrem no banco de dados.

Então, investir em um firewall é essencial para impedir a entrada de malware nos sistemas do computador. E com as ameaças de segurança cibernética mudando rapidamente, sempre preste atenção nas atualizações de notificações e execute-as assim que estiverem disponíveis. Essas atualizações são uma ferramenta importante na luta contra ataques cibernéticos.

Gostou do artigo? Siga-nos nas redes sociais e recebe em primeira mão os melhores conteúdos do nosso blog. Estamos no Facebook, Instagram e LinkedIn.

Equipe Aenova

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para o topo